quinta-feira, 13 de setembro de 2012

Pôr do sol


quinta-feira, 6 de setembro de 2012

Sentinela do pampa no telhado


Tem dias pela manhã que passo aqui dentro do condomínio por vários quero-quero. Os sentinelas do pampa guardam a pracinha para as crianças. Na manhã de ontem flagrei o diálogo curioso do quero-quero com um pardal no telhado do bloco h. Não sei o que eles observavam, mas estavam atentos.

quarta-feira, 5 de setembro de 2012

Luxo no lixo


Samba Enredo 1989 - Ratos e Urubus, Larguem a Minha FantasiaG.R.E.S. Beija-Flor de Nilópolis (RJ)

Reluziu... É ouro ou lata
Formou a grande confusão
Qual areia na farofa
É o luxo e a pobreza
No meu mundo de ilusão
Xepa de lá pra cá xepei
Sou na vida um mendigo
da folia eu sou rei
Sai do lixo a pobreza
Euforia que consome
Se ficar o rato pega
Se cair urubu come
Vibra meu povo
Embala o corpo
A loucura é geral
Larguem minha fantasia
Que agonia... Deixem-me
Mostrar meu carnaval
Firme... Belo perfil!
Alegria e manifestação
Eis a Beija-flor tão linda
Derramando na avenida
Frutos de uma imaginação
Leba - laro - ô ô ô ô
Ebó lebará - laiá - laiá - ô
Reluziu...

PS.: Lembrei imediatamente do samba e do Joãozinho 30 quando vi esta caçamba pichada!

terça-feira, 4 de setembro de 2012

Aniversariante do dia, Eu!

Quando eu fiz 15 anos, há 20 anos atrás, eu não queria fazer. A ideia de que depois dos quinze o tempo voa e quando a gente vê já está com 30 me apavorava. Eu queria ficar com 15 assim... sem pressa, até me sentir preparada para fazer 20, depois 30 e por aí. A verdade é que o tempo passa voando sempre, mas nos pesa, ou nos massacra quando a gente tem muitas metas distantes e ao não alcançarmos nos sentimos frustrados. E me senti muitas vezes desajustada, como se não encaixasse em nenhuma situação, principalmente quando era adolescente. Sorte que passou a nóia!
Hoje completando 35 anos não vejo nada demais, nem peso, nem idade! (hahaha) Completar 35 não é um feito tão grande como o da minha avó que completou 90. E eu que pensava que nos anos dois mil seria uma velha! Sinto-me jovem e feliz! Muitas coisas mudaram, é verdade, mas o meu sentimento interior, aquela chama jovem segue sendo muito semelhante daquele lá dos meus 15 anos. Não tenho mais medo de envelhecer. Também não tenho, ou mantenho a ideia de que posso me preparar para completar determinada idade. Até porque a gente nunca está realmente preparado! Mas sei que posso me preparar (física, psicológica e espiritualmente) para viver com qualidade e paz interior em qualquer idade.
Não sei se foi a maturidade que fez isso, mas hoje me aceito muito melhor. E aceito inclusive os terríveis defeitos que tenho! Gosto da pessoa que sou e já não brigo mais tanto comigo mesma. Cuido bem da aparência externa, mas meu maior legado é o que tenho dentro. E dentro tenho muito amor e muitos amores, familiares e amigos guardados no peito, tesouro valioso!
Agradeço de coração aos meus pais e toda a minha família pela oportunidade desta vida com eles. Agradeço aos amigos queridos que tanto carinho me demonstram neste dia e em tantos outros. Agradeço a Deus! E que venham mais 35!